Como fazer um jardim vertical?

Oi meninas!!!

Se o espaço em seu jardim horizontal é limitado, ou caso você tenha o interesse de incrementar o nível de textura e beleza presente em seu quintal, considere a construção de um jardim vertical. Muitas plantas crescem naturalmente, como trepadeiras, seguindo os troncos de árvores e paredes, podendo ser facilmente treinadas para crescer verticalmente sobre a estrutura de sua preferência.

Leia mais para saber como começar o seu jardim vertical.

Escolhendo uma Estrutura para o Jardim Vertical

Compre uma estrutura de jardim em uma casa de jardinagem

Agora que os jardins verticais estão se tornando mais populares, muitas lojas de jardinagem vêm disponibilizando estruturas adequadas à construção vertical dos jardins. Escolha uma a partir destas opções:

  • Compre simples hastes para colocar no chão. Elas são boas escolhas caso você precise apenas de alguns elementos verticais no jardim.
  • Compre uma treliça. Treliças são frequentemente feitas em madeira, sendo construídas na forma de uma caixa com topo e lados cruzados de forma a permitir que trepadeiras e plantas se ondulem através da estrutura, ao redor das hastes.

Use elementos verticais pré-existentes no jardim

Não há a necessidade de sair de sua zona de conforto e construir uma estrutura, caso você não queira gastos. Provavelmente, já haverá itens para o crescimento de um jardim vertical. Considere o seguinte:

  • Uma árvore. Isso mesmo, você pode treinar uma planta para que cresça ao redor de uma árvore. O melhor de árvore é aquela cujos galhos não comecem a menos de 1,8 m do chão.
  • Varas de bambu. Há um bambuzal próximo à sua casa? O bambu dá uma base robusta para um jardim vertical, e é frequentemente consegui-lo gratuitamente. Se você não tiver bambus, outra haste forte e alta de algum material poderá servir.
  • O deque. Se você tiver um deque que se estende diversos metros sobre o solo, é possível treinar as plantas para crescer em seu redor.
  • Uma grade. A maioria das grades representa uma estrutura adequada a jardins verticais — quanto mais alto, melhor!

Construa a sua própria treliça vertical

Para uma estrutura de jardim vertical personalizada, construa a sua própria, com madeira. Construir a própria estrutura lhe permite criar um jardim com as dimensões certas para o seu quintal. Busque a ajuda de um marceneiro com as dimensões e formatos na construção.

Escolhendo as Plantas Certas

Cultive vegetais verticalmente

Muitos tipos de vegetais e legumes crescem como trepadeiras, tornando-os ótimos candidatos ao jardim vertical. Feijões e ervilhas se retorcem naturalmente sobre hastes e treliças, e muitos deles também produzem belas flores na primavera. Aqui seguem algumas ideias:

  • Cultive feijões-da-Espanha, que atraem beija-flores com seus brotos vermelhos e brancos.
  • Vá com os tomates, que devem crescer verticalmente para se manterem saudáveis e produzirem muitos frutos. O seu verão será repleto de suculentas maravilhas vermelhas.
  • Algumas variedades de abóboras também crescem verticalmente, ainda dando belas flores.
  • Lúpulos, que são o ingrediente essencial da cerveja, crescem pelo menos 1,8 m.

Crie um jardim vertical de flores e trepadeiras

Se você gosta da ideia de criar um divertido jardim vertical — daquele sob o qual poderá se deitar com o amor de sua vida enquanto sente o aroma de suas flores —, busque as variedades com variedades de flores e heras que prefiram crescer rumo ao céu. Assegure-se de escolher plantas que vivam bem nas condições climáticas de sua região.

  • Glórias-da-manhã crescem rápida e vigorosamente, produzindo lindas flores em diferentes tonalidades.
  • A Wisteria, que floresce em tons violáceos e produzem um agradável aroma, é uma escolha popular para jardins verticais.
  • Heras inglesas dão uma bela coloração verde com flores coloridas.
  • Rosas trepadeiras darão ao jardim vertical um toque romântico.

Plante as três irmãs

Para um jardim vertical completamente natural, é impossível errar com as três irmãs: feijões, abóboras e milhos. Índios costumavam plantar esses três vegetais pelo fato de coexistirem tão bem em conjunto. Eles criam também um belíssimo jardim vertical natural; o milho servirá como “haste” para os feijões e as abóboras, que sobem circundando-o à medida que crescem.

Começando o Jardim

Escolha um bom local

Um jardim vertical, como qualquer outro tipo de jardim, precisa ser plantado em uma área com boa drenagem de solo e a combinação certa de sombra e luz solar. Descubra que condições você deverá ter para que as plantas cresçam saudavelmente, e então escolha uma área adequada em seu quintal para o plantio.

  • A maioria dos jardins verticais trabalha bem com muita luz solar.
  • Escolha um ponto próximo a uma parede se desejar que o jardim eventualmente se arraste pelos muros da casa.

Assegure-se de que a estrutura do jardim seja estável

Se você estiver usando uma treliça, uma vara ou uma haste, cave profundamente para enterrá-la, impedindo que ela se incline ou balance. Lembre-se que o jardim ficará mais pesado à medida que cresce e precisará de um fundamento sólido que o suporte em ventos e chuvas.

Plante ao redor da base da estrutura

Levando em consideração as necessidades individuais das plantas usadas, plante sementes ou mudas em buracos espaçados ao redor da base da treliça, haste ou outra estrutura que estiver sendo usada. Assegure-se de que elas não estejam muito próximas da estrutura, para que tenham espaço suficiente para se enraizar e crescer.

Cuide das plantas de acordo com suas necessidades

Assegure-se de que elas tenham água suficiente e fertilize-as de forma adequada, protegendo-as com folhas secas e tomando quaisquer medidas que sejam necessárias ao seu crescimento forte e saudável.

Treine as plantas

Quando as mudas estiverem com alguns centímetros de altura, será o momento de treiná-las para subir ao redor da estrutura erigida. Gentilmente, envolva as hastes das plantas ao redor da base da estrutura, cuidando para não quebrá-las ou dobrá-las. Use fitas que as suportem enquanto crescem.

  • Não aperte muito as hastes. Isso impede que elas cresçam adequadamente, podendo até mesmo danificar a planta.
  • À medida que as hastes começam a crescer e envolver a estrutura, continue a usar fitas para treiná-las a crescer na direção que você deseja que cresçam.

Veja esse vídeo mostrando como faz com paletes

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s